AUDIODESCRIÇÃO NO MERCADO DE CONSUMO

Há alguns meses, essa foto de um consumidor com deficiência visual sendo atendido por um vendedor atencioso em um mercado atacadista, bombou em todas as redes sociais. Foram milhares compartilhamentos e comentários. Todo mundo queria falar sobre o que tinha acontecido.

Agora eu te pergunto: porque essa foto viralizou tanto? Porque todo mundo ficou espantado com a cena?

Ora vejamos, em uma sociedade onde a pessoa com deficiência não é vista como consumidora, encontrar um estabelecimento com um vendedor que saiba atendê-lo da forma adequada, descrevendo os produtos e informando suas características, para que o consumidor com deficiência visual possa ter certeza do que está levando para casa, é realmente algo muito fora do normal. Infelizmente o nosso “normal” é excludente demais, é desinteressado demais. Quando a gente se depara com uma situação como essa, em que o profissional entende a necessidade do cliente e oferece autonomia no seu processo de decisão de compra, não dá pra fingir que é algo natural, porque infelizmente não é.

E o que nós estamos fazendo para mudar isso? Você já pensou a respeito?

Está em nossas mãos construírmos o mundo que queremos. Depende de mim, depende de você, depende de nós, juntos! Porque sozinhos, somos limitados. Mas juntos, somos mais fortes!