Fundação Dorina Nowill oferece qualificação profissional gratuita para pessoas com deficiência visual

Pioneira em promover a inclusão social de pessoas com deficiência visual, a Fundação Dorina Nowill para Cegos está disponibilizando gratuitamente diversos cursos de qualificação profissional e oficinas de desenvolvimento pessoal para pessoas com deficiência visual.

Logo da Fundação Dorina Nowill Para Cegos.

De acordo com a organização, o intuito do programa de cursos é fornecer auxílio para que esse público possa aumentar suas chances no mercado de trabalho. A programação contará com aulas em diversas áreas profissionais, como: 

  •  Informática básica:  conhecimentos básicos do pacote office (Windows, Word, Excel, Outlook), Internet e Digitação;
  • Massoterapia: técnicas de Quick Massage e Reflexologia, além de qualificação comportamental visando a empregabilidade e o empreendedorismo. 
  • Atendimento ao cliente: qualificação para realizar atendimento ao cliente em diversos meios de atendimento (presencial, telefônico e digital), proporcionando experiências em diversas situações práticas.
  • Empreendedorismo: para quem deseja abrir seu próprio negócio, o curso traz as melhores práticas para empreender ou conduzir a própria carreira em organizações.
  • Auxiliar administrativo: detalhamento das funções, dinâmicas e rotinas administrativas, bem como a linguagem empresarial e postura profissional na empresa.
  • Oficina de Talentos:  promove o autoconhecimento, autoconfiança e autoestima, características essenciais para buscar o crescimento pessoal e profissional.

As primeiras turmas iniciarão em fevereiro de 2021 e podem se inscrever pessoas maiores de 16 anos com o ensino médio completo ou em conclusão. Basta preencher este formulário no site da Fundação Dorina Nowill. 

As atividades aplicadas pela instituição serão em sua maioria no formato EAD. Portanto, faz-se necessário que os estudantes possuam computador e internet em casa.

Os cursos de Atendimento ao Cliente, Auxiliar Administrativo, Empreendedorismo e Massoterapia exigem conhecimento prévio em Informática.